Última hora
This content is not available in your region

Líder da oposição recebida por representante da junta militar

Líder da oposição recebida por representante da junta militar
Tamanho do texto Aa Aa

A líder pró-democracia e prémio Nobel da paz mianmaresa, Aung San Suu Kyi, privada de liberdade em 12 dos últimos 18 anos, foi finalmente recebida por um representante da Junta Militar que governa o país, o ministro do trabalho Aung Kyi.

O ministro foi encarregue pelos militares de estabelecer contactos com a oposição depois de uma recomendação do emissário da Nações Unidas (ONU), Ibrahim Gambari, na sequência dos protestos generalizados de fim de Setembro, violentamente reprimidos pelas autoridades.

Na China, o representante da ONU concluiu uma série de encontros com representantes governamentais sem obter a indicação se aquele país vai reforçar a pressão sobre as autoridades de Myanmar para uma abertura democrática.

Os diplomatas chineses insistem que o diálogo é a melhor opção, e não as sanções, para abordar a questão.

A China, tal como a Índia é um dos maiores parceiros económicos da antiga Birmânia.