A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.
Última hora

Oposição dinamarquesa reconhece a derrota

Oposição dinamarquesa reconhece a derrota
Euronews logo
Tamanho do texto Aa Aa

A oposição dinamarquesa teve de se render às evidências e reconhecer a derrota nas legislativas. Numa altura em que estão contados 99% dos votos, a coligação de liderada pelo primeiro ministro Fogh Rasmussen alcançou já 89 assentos parlamentares num total de 179.

A líder da oposição social democrata Helle Thorning Schmidt reconheceu a derrota perante os apoiantes, disse que trabalhou bastante nesta campanha mas que não foi o suficiente. Helle Schmidt promoteu defrontar Rasmussen uma próxima vez.

Nove partidos concorreram nestas eleições onde foram chamados a votar mais de 4 milhões de eleitores.