Última hora
This content is not available in your region

Trichet elogia efeitos da acção concertada dos bancos centrais

 Trichet elogia efeitos da acção concertada dos bancos centrais
Tamanho do texto Aa Aa

O presidente do Banco Central Europeu, Jean-Claude Trichet, confirmou que se mantém alguma tensão no mercado financeiro, mas a acção concertada dos bancos centrais está a ajudar a resolver a crise dos créditos.

Os líderes dos dez maiores bancos centrais do globo estiveram reunidos em Basileia, na Suíça, pela primeira vez desde o início desta acção conjunta.

Estima-se que a crise que estou nos mercados americanos e se estendeu depois a todo o mundo tenha causado prejuízos de 215 mil milhões de euros.

Os maiores bancos centrais do globo, incluindo o BCE, a Fed e o Banco de Inglaterra, injectaram no mercado 410 mil milhões de euros, para minorar os efeitos da turbulência que está a acontecer.

A crise estalou por culpa dos créditos imobiliários de risco, com muitos clientes a não conseguirem pagar o dinheiro devido aos bancos.

Paralelamente à acção concertada com os outros bancos centrais, o BCE decidiu agora uma nova injecção de quase 350 mil milhões de euros.

Um dos efeitos dos problemas com os créditos tem sido a queda do dólar face às outras divisas.