A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.
Última hora

Saakacvilli investido em Tbilissi

Saakacvilli investido em Tbilissi
Euronews logo
Tamanho do texto Aa Aa

Mikhail Saakachvili tomou posse como presidente da Geórgia. O chefe de Estado parte para um segundo mandato sob críticas da oposição que continua a reclamar uma segunda volta. Mas o escrutínio foi validado pela generalidade do Ocidente e mesmo a OSCE, que inicialmente demonstrara algumas reticências, já reconheceu a legitimidade das eleições antecipadas de 5 de Janeiro.

Presentes na cerimónia de investidura junto ao parlamento na capital da Geórgia estiveram vários convidados de honra. Entre eles, o ministro dos negócios estrangeiros russo Serguei Lavrov. Apesar das relações tensas entre Moscovo e Tbilissi desde a chegada ao poder de Saakachvili em 2004, Vladimir Putin terá felicitado o seu homólogo georgiano.

A oposição continua a manifestar-se e a não reconhecer o resultado das presidenciais. Mais de 50 mil pessoas protestaram este domingo em Tbilissi contra a reeleição de Saakachvili.

A União Europeia apelou ao chefe de Estado para que sejam criadas todas as condições necessárias à realização de eleições legislativas na próxima Primavera.