Euronews is no longer accessible on Internet Explorer. This browser is not updated by Microsoft and does not support the last technical evolutions. We encourage you to use another browser, such as Edge, Safari, Google Chrome or Mozilla Firefox.
Última hora

Diálogo entre presidente e oposição quenianos suspenso

Diálogo entre presidente e oposição quenianos suspenso
Euronews logo
Tamanho do texto Aa Aa

O diálogo entre o presidente do Quénia e a oposição foi suspenso por 24 horas devido ao assassínio de um deputado da oposição. É o segundo político do Movimento Democrático Laranja assassinado esta semana. Segundo as autoridades, desta vez tratou-se de um crime passional. O deputado foi morto por um polícia no momento em que se preparava para entrar num hotel com uma mulher, alegadamente a namorada do assassino.

Kofi Annan que se encontra no Quénia para mediar o diálogo entre o presidente e a oposição anunciou as suspensão das conversações.

Rail Odinga, líder do Movimento Democrático Laranja acusa os partidários do chefe de estado de estarem por trás de uma manobra para enfraquecer a oposição que possui a maioria no parlamento.

O Quénia é palco de um violento conflito político e étnico. A crise começou com a reeleição de Kibaki, contestada pela oposição. Num mês de motins e confrontos étnicos, morreram mil pessoas. Há cerca de duzentos e cinquenta mil deslocados.