Euronews is no longer accessible on Internet Explorer. This browser is not updated by Microsoft and does not support the last technical evolutions. We encourage you to use another browser, such as Edge, Safari, Google Chrome or Mozilla Firefox.

Última hora

Última hora

Líderes do governo e oposição libanesa estão reunidos no Qatar para tentar fim à crise no Líbano

Líderes do governo e oposição libanesa estão reunidos no Qatar para tentar fim à crise no Líbano
Tamanho do texto Aa Aa

O encontro promovido pela Liga Árabe conta com a presença do primeiro-ministro, Fuad Siniora, e do líder da maioria parlamentar pró-Ocidente, Saad Hariri. A oposição está representada pelo presidente do Parlamento, Nabih Berri e pelo dirigente do Hezbollah Mohamed Raad.

A eventual assinatura de um acordo que permita acabar com o conflito político instalado no país é aguardada com grande expectativada.

Um libanês mostra-se optimista e considera que “a maioria da população e dos políticos sabem que é necessário chegar a um acordo, acrescentando, que “estão todos cansados desta situação” e espera que desta vez se unam para chegar a um entendimento.

Na quarta-feira, o governo libanês recuou em relação às medidas tomadas contra o Hezbollah e que conduziram aos piores confrontos inter-comunitários no Líbano desde o fim da guerra civil.

Na origem da onda de violência está a detecção da rede paralela de telecomunicações do Hezbollah e a demissão do director de segurança do aeroporto, alegadamente, próximo do partido xiita.