A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.
Última hora

Clinton diz que está tudo em aberto

 Clinton diz que está tudo em aberto
Euronews logo
Tamanho do texto Aa Aa

Hillary Clinton venceu as primárias no estado de Kentucky por larga margem, como as sondagens previam. Algumas estações de televisão estão mesmo a adiantar que Clinton deixou o rival Barak Obama, a mais de 30 pontos percentuais.
A senadora de Nova York recuperou algum folgo e denunciou campanhas que minimizam a voto dos eleitores.

“Alguns têm dito que os vossos votos não são importantes. Esta campanha está ainda aberta e isso permite que todos votem e cada voto vai contar. Não votar seria um erro. Mas isto não parou. Estamos separados por menos de 200 delegados, num total de 4.400. Nem o senador Obama nem eu alcançamos esse número mágico”, considerou a candidata.