A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.
Última hora

Suspeitas de corrupção não impedem reeleição do edil de Kiev

Suspeitas de corrupção não impedem reeleição do edil de Kiev
Euronews logo
Tamanho do texto Aa Aa

O presidente da câmara de Kiev, Leonid Chernovetskyi terá sido reeleito, apesar das suspeitas de corrupção. Segundo as sondagens à boca das urnas, o multimilionário deverá obter cerca de 32% dos votos. As acusações de favorecimento das suas próprias empresas na venda de terrenos camarários, tinham levado em Março o parlamento a convocar para ontem eleições antecipadas na capital.

O candidato apoiado pelo partido da primeira-ministra, Yulia Timoshenko deverá ficar em segundo lugar com cerca de 20% dos votos. Olexandre Tourchinov tinha baseado a campanha na luta contra a corrupção, assim como o candidato independente
Vitali Klitschko. O antigo campeão mundial de boxe, convertido à política, deverá ficar em terceiro lugar no escrutínio.

O resultado do sufrágio marca um revês para a campanha anti-corrupção lançada há meses pela primeira-ministra Yulia Timoshenko.

A dois anos das presidenciais, os analistas falam de vitória para as ambições do presidente Yushenko que, três anos depois da revolução laranja, parece ter na antiga companheira de revolta, a sua principal adversária política.