Última hora

Última hora

Talibãs libertam mais de mil detidos após ataque contra prisão

Em leitura:

Talibãs libertam mais de mil detidos após ataque contra prisão

 Talibãs libertam mais de mil detidos após ataque contra prisão
Tamanho do texto Aa Aa

Cada vez mais audazes, os talibãs surpreenderam tudo e todos ao fazerem explodir uma prisão no sul do Afeganistão.

O ataque deu-se esta sexta-feira, em Kandahar, e permitiu, segundo as forças da NATO, a libertação de cerca de mil e cem detidos.

Os guerrilheiros fizeram explodir um carro armadilhado contra o muro da prisão e atacaram o local.

Morreram pelo menos quinze guardas prisionais.

A província de Kandahar é o berço dos talibãs e o principal bastião da guerrilha.

Este ataque acontece um dia após a conferência de Paris, onde a comunidade internacional se comprometeu a dar vinte 13 milhões de euros para a reconstrução do Afeganistão.

Nos últimos meses, os ataques dos grupos tribais têm-se intensificado.

A 27 de Abril, um comando tentou assassinar o presidente Hamid Karzai, durante um desfile militar em que estavam presentes setenta mil soldados, da ONU e dos Estados Unidos.