Última hora

Última hora

Prostitutas madrilenas não querem ser vítimas da moda

Em leitura:

Prostitutas madrilenas não querem ser vítimas da moda

Prostitutas madrilenas não querem ser vítimas da moda
Tamanho do texto Aa Aa

Em calão madrileno, Lumi, significa prostituta. Dezenas de trabalhadoras do sexo da capital espanhola organizaram a primeira “Lumi Fashion”. Uma manifestação em forma de passagem de modelos para reclamar um lugar no futuro bairro das artes e da moda, com que a câmara municipal quer reabilitar o centro da cidade.

Uma das participantes afirma: “É uma forma de combatermos uma certa falta de reconhecimento social. Com este desfile queremos mostrar que podemos fazer outras coisas. Se decidimos prostituir-nos também devemos poder decidir onde é que o queremos fazer”.

E foi com poses celebrizadas por realizadores como Pedro Almodóvar, que as prostitutas mostraram que a boa vizinhança pode ser uma nova tendência. Resta saber se os promotores imobiliários estarão prontos a aceitar a permanência dos bordéis do bairro, ou se as prostitutas terão que se resignar a ser vítimas da moda.