Euronews is no longer accessible on Internet Explorer. This browser is not updated by Microsoft and does not support the last technical evolutions. We encourage you to use another browser, such as Edge, Safari, Google Chrome or Mozilla Firefox.

Última hora

Última hora

Acordo no Zimbabué pode pôr fim à crise

 Acordo no Zimbabué pode pôr fim à crise
Tamanho do texto Aa Aa

Pode ser o fim da crise e da violência no Zimbabué depois de mais de uma década de hostilidades entre dois rivais. O presidente Mugabe e o principal líder da oposição assinaram esta segunda-feira, em Harare, um protocolo de acordo que abre caminho para negociar uma saída da crise política no país. Robert Mugabe e Morgan Tsvangirai assinaram um documento que fixa a abertura de negociações na presença do presidente sul-africano, Thabo Mbeki.

Este clima de pacificação surge depois da vaga de violência logo após o segundo turno das presidenciais de 27 de junho, onde o único candidato, Robert Mugabe, foi reeleito em clima de intimidação. De acordo com a liderança do principal partido da Oposição, pelo menos 120 apoiantes do MDC morreram nos confrontos.