Euronews is no longer accessible on Internet Explorer. This browser is not updated by Microsoft and does not support the last technical evolutions. We encourage you to use another browser, such as Edge, Safari, Google Chrome or Mozilla Firefox.

Última hora

Última hora

Merkel: "Violação da integridade territorial é inaceitável"

 Merkel: "Violação da integridade territorial é inaceitável"
Tamanho do texto Aa Aa

“A guerra na Geórgia não modificou apenas o Cáucaso do sul mas também toda a política mundial” – esta foi uma das afirmações da chanceler alemã Angela Merkel face ao aumento da tensão entre o Ocidente e a Rússia.

Merkel exige a integridade territorial da Geórgia. “Não é apenas a minha opinião. Do nosso ponto de vista, o princípio de integridade territorial trata-se de um principio de direito internacional. Isto não é aceitável! Acho que a posição da União europeia vai nesse sentido”, disse.

Segundo a chanceler alemã o relacionamento com Moscovo tem que ser revisto. “No futuro temos que discutir com a Rússia a base de valores e esta deve ser a mensagem na próxima cimeira. A situação não se pode manter como está, não podemos avançar na nossa agenda, como se nada se passasse”, declarou Merkel.

A cimeira europeia extraordinária foi convocada pela França, a pedido de vários países para analizar a situação no Cáucaso e está agendada para segunda-feira.