Última hora
This content is not available in your region

Arnaldo Otegi quer retomar diálogo com Governo espanhol

Arnaldo Otegi quer retomar diálogo com Governo espanhol
Tamanho do texto Aa Aa

O Governo espanhol rejeita um apelo ao diálogo por parte de Arnaldo Otegi. O ex-porta-voz do batasuna, o interditado braço político da ETA, foi libertado em San Sebastian onde era esperado por uma centena de pessoas, entre familiares e amigos.

Otegi cumpriu uma pena de 15 meses de prisão por apologia ao terrorismo depois de ter participado numa homenagem pública a uma figura histórica da ETA em 2003. “Tal como há muitos anos, infelizmente, há um problema político de fundo sem solução neste país, esse problema é um problema real, um problema que continua por resolver e eu considero que a única solução é através do diálogo e da negociação”, declarou.

Mas o Governo não admite retomar as negociações como separatistas, como deixou claro Jose Blanco, numero dois do partido socialista espanhol. “Não há qualquer possibilidade de retomármos o diálogo. Todas as portas estão fechadas e a única possibilidade para a esquerda independentista é convencer a ETA a abandonar as armas”.

Arnaldo Otegi tinha sido detido em Junho de 2007, três dias depois de a ETA ter rompido oficialmente um cessar-fogo. O dirigente separatista enfrenta ainda três acusações em processos interpostos pelo tribunal anti-terrorista espanhol, que podem resultar numa pena de prisão de até 14 anos.