Última hora
This content is not available in your region

Washington Mutual mais recente vítima da crise financeira

Washington Mutual mais recente vítima da crise financeira
Tamanho do texto Aa Aa

É a mais recente vítima da crise financeira norte-americana. O grupo Washington Mutual foi encerrado na quinta-feira pela autoridade reguladora dos Estados Unidos e a sua actividade bancária foi imediatamente adquirida pela JPMorgan por 1,9 mil milhões de dólares, ou seja 1,3 mil milhões de euros.

A transacção exclui o capital social e a dívida do grupo de seguros e serviços financeiros. Isto significa que os accionistas e os credores da holding deverão perder a totalidade dos seus investimentos.

Depois do anúncio da falência, um empregado da Washington Mutual referia que “há muitas incertezas e questões sobre o que vai acontecer.” Não esconde uma certa ansiedade “porque há fortes probabilidades de se perder o emprego quando um grande companhia é comprada”. Mas conclui que “há que ter confiança nos patrões.”

Uma empregada do grupo referia que é possível que seja despedida, “mas a Washington Mutual tem dinheiro para pagar indemnizações e vai pagar essas indemnizações mesmo em caso de fusão.”

Antes do anúncio da aquisição da companhia pela JPMorgan, a WaMu ainda valia 2,9 mil milhões de dólares em bolsa, apesar de os seus activos terem perdido 90 por cento do seu valor num ano.

A Washington Mutual é a décima terceira instituição financeira a sucumbir à crise e poderá não ser a última se o Congresso norte-americano não aprovar rapidamente o plano de recuperação proposto pelo secretário do Tesouro Henry Paulson.