Euronews is no longer accessible on Internet Explorer. This browser is not updated by Microsoft and does not support the last technical evolutions. We encourage you to use another browser, such as Edge, Safari, Google Chrome or Mozilla Firefox.

Última hora

Última hora

Argélia recebe ajuda alimentar após cheias

 Argélia recebe ajuda alimentar após cheias
Tamanho do texto Aa Aa

A população e as autoridades, na Argélia, mobilizam-se para ajudar as vítimas das inundações que causaram pelo menos 33 mortos e 50 feridos. Segundo o ministério do Interior, foram enviadas para a região 400 toneladas de alimentos.

As chuvas torrenciais afectaram sobretudo a província de Ghardaia, a seiscentos quilómetros de Argel. O exército patrulha a região para evitar pilhagens.

Face à amplitude dos estragos, na sexta-feira milhares de pessoas juntaram-se em Ghardaia para exigir maior rapidez no fornecimento de ajuda alimentar e mais meios para os socorristas que trabalham nos escombros.

Segundo um balanço provisório 600 casas ficaram destruídas.

O governo argelino anunciou a abertura de uma linha de crédito para ajudar os sinistrados.

A região afectada pelas cheias inclui várias aldeias berberes fortificadas da época medieval que fazem parte da lista do património mundial da humanidade.