Euronews is no longer accessible on Internet Explorer. This browser is not updated by Microsoft and does not support the last technical evolutions. We encourage you to use another browser, such as Edge, Safari, Google Chrome or Mozilla Firefox.

Última hora

Última hora

Obama volta à campanha e Palin ao tribunal

Obama volta à campanha e Palin ao tribunal
Tamanho do texto Aa Aa

Terminada uma breve pausa para visitar a avó doente em Honolulu, Barack Obama volta ao continente onde retoma a campanha presidencial.

O senador democrata vai estar este sábado no Nevada, um Estado que volta a ser muito disputado depois de em 2004 George W. Bush e John Kerry terem travado uma luta cerrada pelos nove grandes eleitores em jogo.

Por outro lado, o candidato republicano está no Oeste do país, no Colorado, numa altura em que todas as sondagens dão uma larga vantagem à candidatura de Obama. John McCain continua a apostar numa redução de custos publicitários e sobretudo nos ataques ao programa fiscal de Barack Obama para reduzir a desvantagem.

O actual presidente venceu neste Estado em 2000 e 2004 mas as previsões dão a vitória ao candidato democrata. Numa posição delicada está novamente a número dois da candidatura republicana, Sarah Palin. A Governadora do Alasca vai estar hoje em tribunal para depôr como testemunha no caso conhecido como “trooper gate”. Palin é suspeita de abuso de poder depois de ter demitido uma alta patente policial que se recusara a despedir um agente que era seu ex- cunhado.

Entretanto, George W. Bush já votou no seu sucessor à Casa Branca. O anuncio foi feito pelo porta-voz do presidente que adiantou que Bush e a esposa votaram esta sexta-feira por antecipação em Washington. Os respectivos boletins foram enviados no mesmo dia para o Texas, circunscrição a que pertence o casal presidencial.