A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.
Última hora

China reduz taxas de juro

China reduz taxas de juro
Euronews logo
Tamanho do texto Aa Aa

O Banco Central da China fez o maior corte na taxa de juro em mais de dez anos. A taxa directora foi cortada em 108 pontos de base, para os 5,58%. Este foi o quarto corte consecutivo no preço do dinheiro, em apenas dois meses.

Neste esforço para impedir um impacto no país da crise mundial dos créditos, o banco central chinês diminuiu também as reservas obrigatórias dos bancos comerciais.

O objectivo é fazer com que a economia chinesa regresse às taxas de crescimento de dois dígitos.