Última hora
This content is not available in your region

Greve dos professores portugueses contra novo modelo de avaliação

Greve dos professores portugueses contra novo modelo de avaliação
Tamanho do texto Aa Aa

É um novo capítulo no braço-de-ferro entre os professores e o governo português. Milhares de docentes participaram hoje, de Norte a Sul do país, numa greve contra o novo modelo de avaliação de desempenho da profissão. Segundo os sindicatos, a adesão à greve terá sido de 90%, o governo afirma que a maioria das escolas, “esteve aberta”.

Os profissionais recusam-se a ser avaliados pelos colegas ou com base nas notas dos alunos, contestando a criação de um sistema de quotas para definir a progressão na carreira ou o número de lugares de professores efectivos. O ministério da Educação admitiu hoje poder aplicar um sistema de avaliação simplificado durante os próximos anos, contornando os pontos mais sensíveis e mantendo a auto-avaliação de cada professor. Uma proposta recusada pelos sindicatos. No início de Novembro mais de 120 mil professores tinham já protestado em Lisboa para chumbar a medida governamental.