Euronews is no longer accessible on Internet Explorer. This browser is not updated by Microsoft and does not support the last technical evolutions. We encourage you to use another browser, such as Edge, Safari, Google Chrome or Mozilla Firefox.

Última hora

Última hora

Operação anti-máfia: 100 detidos em Itália

Operação anti-máfia: 100 detidos em Itália
Tamanho do texto Aa Aa

A polícia italiana deteve quase 100 pessoas alegadamente relacionadas com a Máfia. Mil e duzentos agentes, apoiados por helicópteros, desencadearam as operações em duas zonas do país, no centro, na Toscânia, mas os suspeitos mais importantes foram detidos em Palermo, na Sicília. É o caso de Salvatore Drago Ferrante, um elemento considerado importante do clã Brancaccio, e também de Marcello Lupo, que a polícia acredita ser a peça chave do transporte de droga da América Latina para a Itália. Segundo as autoridades, estava a ser orquestrado um esquema para substituir o líder da Cosa Nostra, Bernardo Provenzano, detido há dois anos. De acordo com os investigadores, a droga era comprada na Argentina com dinheiro da Máfia, levada para a Europa por pessoas que actuavam como correio que, para despistar as autoridades, faziam escala em várias cidades europeias. Entravam numa penúltima fase em Milão e faziam o resto do percurso até ao sul do país de comboio.