A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.
Última hora

Kiev anuncia pagamento de dívida à Gazprom

Kiev anuncia pagamento de dívida à Gazprom
Euronews logo
Tamanho do texto Aa Aa

O governo da Ucrânia ordenou o pagamento da dívida à Gazprom.

Em comunicado, Kiev anunciou que foram pagos os consumos de gás de Novembro e Dezembro e que já não há obstáculos para a negociação de um acordo de fornecimento energético para o próximo ano. Mas logo após o anúncio, um porta-voz da Gazprom afirmou que a empresa ainda não tinha recebido o dinheiro e que ainda era cedo para anunciar o pagamento da dívida. Esta terça-feira, o presidente da gigante russa do gás avisou que suspenderia o fornecimento energético à ex-república soviética se a dívida de 1,5 mil milhões não fosse paga até ao final do ano. Uma ameaça que causou alarme entre os estados europeus, que recebem o gás russo pelos gasodutos que transitam pela Ucrânia. Em 2006, a guerra do gás entre Moscovo e Kiev provocou perturbações no abastecimento de gás à Europa. Na altura, a Rússia acusou a Ucrânia de desviar o gás destinado aos mercados europeus.