Última hora
This content is not available in your region

Eluana foi transferida para clínica onde poderá morrer

Eluana foi transferida para clínica onde poderá morrer
Tamanho do texto Aa Aa

Eluana Englaro, símbolo da luta a favor da eutanásia em Itália, foi transferida esta noite para a clínica onde poderá morrer. Eluana, com 37 anos, encontra-se em coma há 17, após um acidente rodoviário.

A transferência da clínica de Lecco, perto de Milão, para uma outra em Udine, no nordeste de Itália, decorreu durante a madrugada, mas mesmo assim foi alvo de protestos. A nova clínica aceitou desligar a alimentação e a hidratação, a pedido do pai, mas após um longo combate judicial que durou mais de dez anos e que chegou mesmo às instâncias europeias de justiça. O caso Eluana originou um grande debate em Itália, um país onde a Igreja católica e o Vaticano são muito influentes. Ainda esta manhã, alguns ministros do governo Berlusconi evocavam a possibilidade de recorrer a meios políticos para impedir a morte de Eluana.
A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.