Última hora

Vantagem para o partido do governo indiano

Vantagem para o partido do governo indiano
Euronews logo
Tamanho do texto Aa Aa

Chegou ao fim a maratona eleitoral indiana. A última das cinco fases das eleições da maior democracia do mundo decorreu à semelhança das anteriores – com alguns incidentes.

Neste derradeiro dia, foram a votos 100 milhões dos 714 milhões de eleitores em nove estados. A primeira sondagem à boca das urnas confirmou o favoritismo do Partido do Congresso do primeiro ministro Manmohan Singh. No entanto, dá apenas uma ligeira vantagem sobre os nacionalistas-hindus do Partido do Povo Indiano, liderado por Lal Krishna Advani, Antes do escrutínio estimava-se que nenhuma das duas formações iria alcançar maioria para formar governo sozinha. Prevê-se por isso que deste escrutínio saia um executivo pouco forte, baseado em cedências políticas, que deixam antever o adiamento de importantes reformas na 10a economia mundial que já dá sinais de abrandamento. As eleições tiveram a duração de um mês sobretudo devido às necessidades de logistica e segurança que um escrutinio à dimensão da Índia acarreta. Os resultados eleitorais serão publicados no sábado.
A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.