A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.
Última hora

Ismail Kadaré vence Prémio Príncipe das Astúrias para Letras 2009

Ismail Kadaré vence Prémio Príncipe das Astúrias para Letras 2009
Euronews logo
Tamanho do texto Aa Aa

O Prémio Príncipe das Astúrias das Letras 2009 foi anunciado na manhã desta quarta-feira. O júri, liderado pelo director da Real Academia de Língua Espanhola, Victor Garcia de la Concha, atribuíu o galardão e o prémio de cinquenta mil euros ao escritos albanês Ismail Kadaré.
kadaré, romancista e poeta, ex-jornalista, é um grande estudioso da tradição albanesa e está traduzido em mais de quarenta línguas.

Desde o seu primeiro romance “O general do Exército Morto” que foi reconhecido como um dos grandes autores da literatura universal.
Na década de 1990, para fugir à perseguição política, pediu asilo a França, juntamente com a sua mulher. Desde então vive em Paris.

Sucedendo a Margaret Atwood, vencedora do prémio concedido pela Fundação Príncipe das Astúrias, no ano passado, kadará assinou obras como “O Grande Inverno”, “Doruntine” e “O Concerto”.
Eterno candidato ao Prémio Novel da Literatura, o escritor ironiza dizendo que foi tantas vezes nomeado que “muita gente pensa que cheguei a ganhar…”
Ismail Kadaré venceu concorrentes como Milan Kundera, António Tabucchi ou Ian McEwan.