Última hora
This content is not available in your region

Primeira reunião da NATO na Ásia Central

Primeira reunião da NATO na Ásia Central
Tamanho do texto Aa Aa

Os 49 países que integram o Conselho de Parceria Euro-Atlântica reuniram-se em Astana, no Cazaquistão, para debater o conflito no Afeganistão e a cooperação entre os países do mar Cáspio.

O secretário-geral da NATO chamou a atenção para a incapacidade da organização em garantir a segurança da região. “Os circuitos que permitem a transferência instantânea de fundos e informação podem igualmente ser usados por grupos criminosos para todo o tipo de tráfico, lavagem de dinheiro, tráfico humano, de componentes de mísseis ou de material nuclear”, disse Jaap de Hoop Scheffer. Ontem, o Quirguistão assinou um acordo com os Estados Unidos. As tropas norte-americanas vão poder continuar a usar a base de Manas, em Bichkek, para fins não militares. Em troca o governo quirguize recebe 128 milhões de euros em ajudas e investimentos. O anúncio põe fim a longas negociações entre os dois países. Bichkek tinha anunciado no início do ano que fecharia a base na sequência de um acordo com a Rússia.
A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.