Euronews is no longer accessible on Internet Explorer. This browser is not updated by Microsoft and does not support the last technical evolutions. We encourage you to use another browser, such as Edge, Safari, Google Chrome or Mozilla Firefox.
Última hora

Violência regressa à Irlanda do Norte

Violência regressa à Irlanda do Norte
Euronews logo
Tamanho do texto Aa Aa

Na Irlanda do Norte viveu-se a segunda noite de tensão e violência.

Jovens, alguns menores de idade, atacaram a polícia, durante a noite, com pedras e cocktails molotov, em Belfast. Os confrontos regressaram às ruas por causa da anual marcha dos orangistas e começaram poucos minutos antes da tradicional cerimónia que assinala a vitória do rei protestante Guilherme de Orange sobre o rei católico Jaime II. O líder do partido nacionalista, Gerry Kelly, aponta o dedo ao Ira Verdadeiro, grupo extremista que se opõe ao processo de paz na Irlanda do Norte. A polícia acusa os «gangs» de incitarem à violência. Ontem, pelo menos dez agentes da autoridade ficaram feridos na sequência dos ataques. Em Armagh, a mais de 50 quilómetros de Belfast, uma pequena bomba colocada junto a uma estrada explodiu à passagem da marcha protestante.