Última hora
This content is not available in your region

Atentados voltam a abalar a Indonésia

Atentados voltam a abalar a Indonésia
Tamanho do texto Aa Aa

Pelo menos nove pessoas morreram e mais de quarenta ficaram feridas em duas explosões que atingiram hotéis de luxo internacionais em Jacarta.

Um fonte parlamentar revelou que um dos incidentes terá sido provocado por um suicida. Entre as vítimas mortais há cidadãos estrangeiros e um porta-voz da presidência indonésia já confirmou a origem terrorista dos atentados mas até ao momento não houve reivindicação. Uma radio local anunciou ter sido encontrada uma terceira bomba por explodir no Marriott, uma informação que ainda está por confirmar. As explosões deflagraram nos hotéis Ritz-Carlton e Marriott, no bairro de Kuningan. Ocorreram pouco antes das oito horas locais, com cinco minutos de intervalo. “Foi muito grande, especialmente no Marriott. De repente vimos fumo branco no ar e 5 minutos depois, o Ritz Carlton foi atingido”, disse um dos hóspedes que foi obrigado a fugir. Entretanto, fontes locais noticiaram uma terceira explosão de um veículo armadilhado numa auto-estrada no norte de Jacarta. Há seis anos o hotel Marriott foi alvo de um atentado terrorista, que matou 12 pessoas. O ataque foi atribuído à Jemaah Islamiyah.
A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.