Última hora
This content is not available in your region

Impostos vão subir em Espanha

Impostos vão subir em Espanha
Tamanho do texto Aa Aa

Os espanhóis vão pagar mais impostos. Este é o principal dado a retirar do discurso do primeiro-ministro no Parlamento de Madrid. Rodriguez Zapatero não explicou quais os impostos que vão subir mas face à crise que devasta a economia espanhola e ao agravamento do défice das contas públicas restam poucas alternativas ao chefe de governo.

Mas nem tudo são más notícias. O primeiro-ministro espanhol recordou no parlamento que a agência de notação Moody’s manteve Espanha no topo do seu rating no que se refere à qualidade da dívida pública. Até ao final do ano o desemprego deve atingir os 20 por cento, o défice das contas públicas subir até aos 10 por cento do PIB e a economia encolher pelo menos quatro por cento. Ao fim de década e meia de crescimento económico em ritmo elevado, Espanha tem grandes dificuldades em digerir o rebentamento da bolha imobiliária e a crise financeira internacional. A retoma não deve ocorrer antes do segundo trimestre de 2010. Zapatero prometeu reduzir o défice público abaixo da fasquia dos três por cento em 2012.