Última hora

Os líderes das igrejas católica e anglicana reafirmaram a vontade de consolidar relações

Os líderes das igrejas católica e anglicana reafirmaram a vontade de consolidar relações
Euronews logo
Tamanho do texto Aa Aa

Uma intenção reiterada após um encontro entre Bento XVI e Rowan Williams, este sábado no Vaticano.

O Papa e o arcebispo de Cantuária avistaram-se pela primeira vez desde que a Santa Sé propôs abrir as portas da Igreja católica aos anglicanos descontentes. Em Outubro, as autoridades católicas aprovaram uma Constituição Apostólica que prevê a ordenação de eclesiásticos anglicanos casados. A Igreja anglicana está dividida, nomeadamente quanto à possibiliade de mulheres e homossexuais serem ordenados nas suas fileiras. Segundo fontes do Vaticano o número de anglicanos dispostos a voltara à igreja romana deverá rondar o meio milhão de fiéis entre os quais estarão 30 a 50 bispos e membros de uma centena de paróquias. A separação das duas igrejas ocorreu em 1534 quando o Rei de Inglaterra viu rejeitado um pedido de anula4ão de casamento pelo Papa Clemente VII.
A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.