Última hora

Última hora

Velejadores britânicos acolhidos por familiares no Dubai

Em leitura:

Velejadores britânicos acolhidos por familiares no Dubai

Velejadores britânicos acolhidos por familiares no Dubai
Tamanho do texto Aa Aa

Os cinco britânicos que estiveram presos no Irão durante uma semana chegaram esta terça-feira ao Dubai, onde foram recolhidos por um iate.

Um deles, David Bloomer disse aos jornalistas que todos foram bem tratados, mas reconheceu que estar em liberdade é um grande alívio. Desembarcaram de um iate com bandeira dos Emiratos Árabe Unidos, num clube náutico do Dubai. No cais, tinham à espera alguns familiares. “Eles trataram-nos muito bem. Obviamente que era uma situação razoavelmente tensa, sobretudo, nos primeiros dias. Mas depois de nos conhecerem melhor, a situação começou a relaxar, à medida que os dias iam passando. Trataram-nos muito bem”, declarou um dos tripulantes. O grupo tinha sido detido por uma patrulha iraniana, em águas do golfo, quando navegavam entre o Bahrein e o Dubai, a bordo de um veleiro de 18 metros. Só depois de cinco dias é que as autoridades britânicas confirmaram a detenção, justificada com a presença, não autorizada, em águas territoriais iranianas, junto ao estreito de Ormuz. Dos cinco detidos, quatro integram a tribulação do barco e o quinto é um jornalista. O incidente ocorreu num ambiente de tensão, entre o Reino Unido e o Irão, provocado pelo diferendo nuclear.