Última hora

Última hora

Manifestação em Madrid pela defesa do emprego

Em leitura:

Manifestação em Madrid pela defesa do emprego

Manifestação em Madrid pela defesa do emprego
Tamanho do texto Aa Aa

Dezenas de milhares de pessoas desfilaram este sábado pelas ruas da capital espanhola.

Espanha é um dos países europeus mais afectados pela crise económica. A taxa de desemprego ronda os 18%. Para o líder dos comunistas, Cayo Lara, a manifestação é uma crítica ao governo socialista: “Zapatero tem que perceber que não está no país das maravilhas, que está num país com muitos problemas e que não está a propor as soluções necessárias para encontrar uma saída para a crise que tenha em conta as ideias da esquerda”. O governo de Zapatero quer reestruturar o mercado de trabalho, na linha do modelo alemão, e dirigir o país para uma economia sustentável. O ministro das infra-estruturas, José Blanco, apela à união e afirma que é necessário o “esforço de todos e o diálogo social para conseguir mais empregos”. Para 2010, o governo espanhol prevê um défice de 8,1 por cento enquanto a dívida pública deverá rondar os 62% do PIB.