Euronews is no longer accessible on Internet Explorer. This browser is not updated by Microsoft and does not support the last technical evolutions. We encourage you to use another browser, such as Edge, Safari, Google Chrome or Mozilla Firefox.
Última hora

Segurança dos voos para os EUA vai ser reforçada

Segurança dos voos para os EUA vai ser reforçada
Euronews logo
Tamanho do texto Aa Aa

A segurança dos voos internacionais para os Estados Unidos vai ser reforçada.

As novas medidas surgem na sequência da tentativa de ataque terrorista a bordo de um avião da Delta Airlines proveniente de Amesterdão.

O responsável pela segurança do aeroporto de Copenhaga fala no que vai mudar.

“Haverá segurança adicional nos voos provenientes dos Estados Unidos. É um segundo filtro. Deste modo teremos dois controlos de segurança. Voltamos a fazer o que fazemos na primeira verificação. Estamos a verificar tudo: tocamos, por assim dizer, todos os passageiros e revistamos todas as malas”, explica Johnnie Müller.

Alguns especialistas consideram que a tentativa de atentado podia ter sido evitada se houvesse um scan corporal em vez de um raio-X.

No aeroporto de Amesterdão os passageiros concordam com o reforço de segurança.

Uma passageira afirma que “é bom haver um controlo total”.

Um passageiro diz que “as medidas são boas para toda a gente” e que “as pessoas têm de ter paciência”.

Apesar de a segurança ter sido reforçada após os ataques de 11 de Setembro de 2001, na sexta-feira um jovem nigeriano com explosivos conseguiu passar o controlo do aeroporto de Amesterdão. Umar Farouk Abdulmutallab transportava um explosivo em pó na parte interior da coxa.