Última hora

Última hora

Alegados membros da ETA presos no País Basco

Em leitura:

Alegados membros da ETA presos no País Basco

Alegados membros da ETA presos no País Basco
Tamanho do texto Aa Aa

As autoridades espanholas prenderam esta madrugada cinco alegados membros da ETA.

Esta manhã a polícia realizou rusgas em domicílios e outros locais relacionados com os detidos.

A operação foi conduzida pela divisão antiterrorista, criada pelo novo Governo basco. As detenções ocorreram nas províncias de Biscaia e Guipuzcoa.

A polícia suspeita que os cinco detidos façam parte de um grupo da ETA que terá participado no atentado contra o quartel da polícia basca em Ondarroa e a filial da Caja Vital em Vitoria.

Nesta acção os terroristas colocaram um carro armadilhado frente ao quartel de Ondarroa. Antes de o fazerem explodir terão activado um engenho incendiário para obrigar os agentes a saírem da esquadra. Não houve mortos mas muitos foram atingidos pela explosão.

Entre os cinco detidos conta-se Ibai Iparaguirre Burgoa, suspeito de envolvimento no assassinato de um membro do Exército espanhol, em Setembro de 2008.

Luis Conde de la Cruz, morreu na explosão de um carro-bomba na localidade de Santoña, na região da Cantábria.