Última hora
This content is not available in your region

Tensão em Gaza ameaça esforços de paz

Tensão em Gaza ameaça esforços de paz
Tamanho do texto Aa Aa

Uma explosão matou dois soldados israelitas na Faixa de Gaza. À deflagração seguiu-se uma troca de tiros entre a patrulha militar israelita e milicias do Hamas que resultou no ferimentos de dois soldades e na morte de dois activistas.
O ataque parece ter sido uma tentativa de rapto de soldados israelitas em Khan Younés, horas antes uma outra explosão foi registada em Kissoufim, uma antiga passagem entre o território palestiniano e Israel.
As Brigadas Ezzedin al Qassam, a facção armada do movimento islamita Hamas, reivindicou o atentado num comunicado emitido esta tarde.

Em Jerusalém esta sexta-feira dia de oração o Hamas apelou à protecção do Islão e das terras santas da Palestina.

A violência que dá sinais de novo reacendimento fragiliza os últimos esforços da comunidade internacional pela paz na região.

A tensão foi reavivada pela construção de colonatos em Jerusalém Leste que continua a semear a discórdia, assim como a manutenção do bloqueio a Gaza. 1,5 milhão de pessoas são afectadas pelo bloqueio israelita

A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.