Euronews is no longer accessible on Internet Explorer. This browser is not updated by Microsoft and does not support the last technical evolutions. We encourage you to use another browser, such as Edge, Safari, Google Chrome or Mozilla Firefox.

Última hora

Última hora

Grécia lança obrigações nos EUA

Grécia lança obrigações nos EUA
Tamanho do texto Aa Aa

A Grécia partiu à caça dos investidores norte-americanos.

O país acaba de lançar uma oferta de obrigações nos Estados Unidos, com a qual espera arrecadar parte dos 10 mil milhões de euros de que precisa para liquidar as dívidas que estão a chegar ao fim e pagar os devidos juros.

É a primeira vez que a Grécia chega ao mercado obrigacionista com um estatuto de país emergente. Os papéis gregos já pagam juros mais altos que países como o Brasil.

O ministro das Finanças, George Papaconstantinou, começa no dia 20 deste mês um percurso pelos Estados Unidos para promover estas novas obrigações.

Segundo uma agência de informação americana, a Grécia está a tentar evitar o empréstimo do FMI decidido na última cimeira europeia, com medo que esta operação tenha contrapartidas demasiado duras.

A crise está a atingir em cheio os bancos gregos, com muitos clientes a preferir depositar dinheiro em bancos estrangeiros estabelecidos no país, ou então a abrir contas no estrangeiro. Nos dois primeiros meses do ano, saíram da Grécia oito mil milhões de euros.