Euronews is no longer accessible on Internet Explorer. This browser is not updated by Microsoft and does not support the last technical evolutions. We encourage you to use another browser, such as Edge, Safari, Google Chrome or Mozilla Firefox.
Última hora

Vacinas estimulam resultados da Novartis

Vacinas estimulam resultados da Novartis
Euronews logo
Tamanho do texto Aa Aa

O grupo farmacêutico suíço Novartis teve números em alta, no primeiro trimestre deste ano, graças às vendas de vacinas contra a gripe A.

Só estas vacinas cotabilizaram cerca de 800 mil milhões de euros em vendas durante o período. Os lucros líquidos cresceram 49%.

Números que satisfazem o novo presidente executivo, o norte-americano Joseph Jiménez: “Tivémos um forte crescimento na exportação de vacinas para o H1N1 o que, a juntar a uma boa base de negócios, gerou uma subida excepcional nas vendas. Além disso, houve um controlo de custos muito bom, que fez com que o lucro tenha crescido mais de 40%”.

Jiménez substituiu Daniel Vasella no início de Fevereiro. Vasella, que dirigiu a Novartis ao longo dos últimos 14 anos, deixou a presidência executiva mas mantém o cargo de presidente do Conselho de Administração.

Depois desta apresentação de resultados, a primeira da nova direcção, o grupo mantém boas perspectivas para o resto do ano.