Última hora
This content is not available in your region

Richard Serra recebe prémio Príncipe das Astúrias

Richard Serra recebe prémio Príncipe das Astúrias
Tamanho do texto Aa Aa

Em Espanha foi anunciado esta quarta-feira o vencedor do Prémio Príncipe das Astúrias na categoria das artes.

O Presidente do jurí fez o anúncio a partir do Hotel de La Reconquista em Oviedo.

O galardoado deste ano foi o escultor norte-americano Richard Serra que receberá um prémio de 50 mil euros. O grupo dos finalistas incluiu o italiano Riccardo Muti e o espanhol Carlos Saura.

Richard Serra nasceu em São Francisco em 1939 e é um dos expoentes do movimento minimalista norte-americano dos anos 60 e 70.

No total estão em jogo oito prémios em oito categorias cujos vencedores serão revelados ao longo do ano.

Ainda este mês terá lugar o anúncio dos prémios em Ciências Sociais, a 18 e 19 de Maio; e Comunicação e Estudos Humanísticos, nos dias 26 e 27 de Maio. Terão lugar mais anúncios durante os meses de Junho e Setembro.

Na categoria das artes foram apresentadas 29 nomeações de 14 países.

No ano passado, a figura galardoada foi o arquitecto britânico Norman Foster.
Em Espanha foi anunciado esta quarta-feira o vencedor do Prémio Príncipe das Astúrias na categoria das artes.

O galardoado deste ano foi o escultor norte-americano Richard Serra que receberá um prémio de 50 mil euros. O grupo dos finalistas incluiu o italiano Riccardo Muti e o espanhol Carlos Saura.

Richard Serra nasceu em São Francisco em 1939 e é um dos expoentes do movimento minimalista norte-americano dos anos 60 e 70.

No ano passado, a figura galardoada foi o arquitecto britânico Norman Foster.

No total estão em jogo oito prémios em oito categorias cujos vencedores serão revelados ao longo do ano.

Ainda este mês terá lugar o anúncio dos prémios em Ciências Sociais, a 18 e 19 de Maio; e Comunicação e Estudos Humanísticos, nos dias 26 e 27 de Maio. Terão lugar mais anúncios durante os meses de Junho e Setembro.

A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.