A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.
Última hora

Subida do Oder deixa Alemanha em estado de alerta

Subida do Oder deixa Alemanha em estado de alerta
Euronews logo
Tamanho do texto Aa Aa

Os níveis do rio Oder que separa a Alemanha da Polónia continuam a aumentar.

Em Ratzdorf, a ruptura de um dique foi colmatada com dezenas de sacos de areia.

A protecção civil não tem tido mãos a medir, 13 anos depois das piores cheias de sempre.

As inundações de 1997 levaram à renovação de 137 quilómetros de diques.

A Alemanha está mais bem preparada para lidar com a subida das águas, mas isso não evitou que dezenas de habitações ficassem submersas nos últimos dias.

Para aliviar a pressão da água nos diques, as autoridades admitem socorrer-se de uma zona inundável entre Frankfurt un der Oder e Schwedt, em Brandeburgo.

As autoridades admitem aumentar o nivel de alerta na cidade de Frankfurt un der Oder, situada a cerca de 100 quilómetros de Berlim.

É a segunda vez que Mathias Platzeck se depara com o problema das cheias. O homem que em 1997 assumia a pasta do ambiente considera que hoje a situação é melhor:

“Desta vez estamos mais bem preparados. A única preocupação são os diques mais antigos. É importante reconstrui-los. Os novo são perfeitos.”

Imperfeitas são para já as condições para os amantes de ciclismo. Uma situação que se deve manter nos próximos dias.