Última hora
This content is not available in your region

Assembleia tribal afegã quer negociar paz com Talibã

Assembleia tribal afegã quer negociar paz com Talibã
Tamanho do texto Aa Aa

Os chefes tribais afegãos mostram-se favoráveis à abertura de negociações de paz com os Talibã.

Ao segundo dia da Assembleia tribal, os mais de 1400 representantes reunidos em Cabul, reconheceram a ineficácia das forças estrangeiras em pôr fim à resistência dos grupos armados afegãos.

Para os participantes, o diálogo é a única via para relançar o processo de reconciliação nacional.

O líder da Jirga, a assembleia tribal, voltou a apelar aos Talibã e aos restantes grupos armados, para “a necessidade de pôr fim à guerra no Afeganistão. É necessário forjar alianças para que as forças estrangeiras possam retirar-se de forma pacífica do nosso território”, afirmou.

Num comunicado via internet, os Talibã voltaram ontem a rejeitar abandonar as armas, considerando a reunião como um acto de propaganda comandado por Washington.

O grupo armado tinha conseguido ludibriar a segurança no recinto da reunião, na quarta-feira, com um ataque que não provocou vítimas.

Os Estados Unidos não escondem as reservas sobre a opção de negociar com os Talibã. Para o Pentágono a prioridade passa antes de mais por neutralizar as bolsas de resistência antes do início da retirada gradual, prevista para meados do próximo ano.