Última hora
This content is not available in your region

Governo alemão recusa pagar garantia à Opel

Governo alemão recusa pagar garantia à Opel
Tamanho do texto Aa Aa

O ministro alemão da Economia, Rainer Bruederle, anunciou que o governo rejeitou o pedido de garantia feito pela General Motors em relação à Opel.

A construtora automóvel, com sede na Alemanha, continua a ser uma filial do grupo norte-americano, depois da GM ter voltado atrás com a decisão de vender, o que enfureceu o governo de Berlim.

A GM pedia aos governos regionais e ao governo federal uma ajuda de mais de mil milhões de euros.

A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.