Última hora
This content is not available in your region

Naomi Campbell citada para depor no julgamento de Charles Taylor

Naomi Campbell citada para depor no julgamento de Charles Taylor
Tamanho do texto Aa Aa

A modelo Naomi Campbell deverá testemunhar no final de Julho em Haia no processo contra o ex-presidente da Libéria, Charles Taylor, por crimes de guerra e contra a humanidade.

O Tribunal Especial para a Serra Leoa citou Campbell para esclarecer, no próximo dia 29, se a modelo recebeu efectivamente um diamante em bruto da parte de Taylor em 1997, durante um jantar organizado por Nelson Mandela na África do Sul.

O ex-presidente da Libéria está a ser julgado em Haia pelo papel no conflito armado na Serra Leoa, que fez 50 mil mortos entre 1991 e 2002.

Taylor é acusado de dirigir secretamente os rebeldes da Frente Revolucionária Unida, fornecendo-lhes armas em troca de diamantes, sendo responsabilizado por assassinatos, violações e o recrutamento de crianças-soldado.

O antigo chefe de Estado liberiano sempre negou as acusações. O depoimento de Campbell poderá servir para provar que Taylor tinha acesso aos diamantes em bruto.

Num testemunho anterior, a actriz norte-americana Mia Farrow – que também participou no jantar de 1997 – afirmou que a própria Campbell lhe confirmou ter recebido o diamante.

A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.