Última hora

Última hora

Rússia e Estados Unidos discutem troca de espiões

Em leitura:

Rússia e Estados Unidos discutem troca de espiões

Rússia e Estados Unidos discutem troca de espiões
Tamanho do texto Aa Aa

É um novo episódio digno dos tempos da guerra fria. A Rússia estará disposta a negociar com os Estados Unidos uma troca de prisioneiros suspeitos de espionagem.

O perito nuclear russo, Igor Sutyagin, condenado a 15 anos de prisão por colaborar com a CIA, poderá ser entregue às autoridades norte-americanas nos próximos dias, em troca de um dos onze espiões russos detidos no mês passado nos Estados Unidos.

A informação, que não foi confirmada a nível oficial, é avançada pelo advogado de Sutyagin em Moscovo que afirma que o detido deverá ser transferido para Viena e daí para Londres.

O acordo teria sido selado durante uma reunião, ontem em Washington, entre o embaixador russo e o subsecretário dos assuntos internos William Burns.

A mãe de uma das arguidas russas, Anna Chapman, desmente que a filha seja, “uma Mata Hari”. “Ela não pretendia fazer mal a ninguém, mas acabou por preocupar toda a gente, entre família e amigos, e penso que é isso que a preocupa mais neste momento, do que o facto de ter sido capturada”.

Anna Chapman e os restantes dez suspeitos deverão ser transferidos hoje para serem presentes a tribunal em Manhattan, acusados de trabalharem ilegalmente como agentes secretos e de branqueamento de capitais.