Última hora
This content is not available in your region

Operadora britânica Kiss Flights abre falência

Operadora britânica Kiss Flights abre falência
Tamanho do texto Aa Aa

É a terceira agência de viagens britânica a declarar bancarrota no espaço de um mês. A operadora Kiss Flights encerrou as portas esta terça-feira, com mais de 13 mil clientes de férias em diferentes países mediterrânicos. 70 mil pessoas tinham reservado viagens com a operadora. Algumas foram avisadas por telefone.

“Tivemos uma chamada da agência de viagens por volta das oito e meia da noite, informando-nos o que aconteceu, mas assegurando que as férias se mantinham”, conta uma passageira.

“Recebi uma mensagem da empresa a dizer que o voo foi cancelado. Cerca de meia hora depois, recebi outra a dizer que afinal podia viajar”, remata outro cliente.

A autoridade de aviação britânica assegurou que os voos desta quarta-feira se mantiveram. Os passageiros que se encontram no estrangeiro também têm garantida a viagem de regresso. Os outros vão ser reembolsados.

Desde o início do ano, fecharam 13 agências de viagens no Reino Unido. Uma série de falências atribuída ao episódio das cinzas vulcânicas que afectou grande parte do tráfego aéreo na Europa.

A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.