Última hora

Guerrilheiros e polícias mortos em operações no Daguestão

Guerrilheiros e polícias mortos em operações no Daguestão
Euronews logo
Tamanho do texto Aa Aa

Pelo menos 13 guerrilheiros islamitas e dois polícias morreram em duas operações antiterroristas na república do Daguestão. A informação foi avançada pelo Comité Nacional Antiterrorista da Rússia.

Uma das vítimas será Shamil Magomed Nabiyev, apontado como o líder do grupo terrorista de Kizilyurt.

De acordo com o boletim divulgado pelo Comité, dez dos militantes islamitas foram mortos, no domingo, em Makhachkala, a capital do Daguestão. Outros três morreram na localidade de Komsomolskoye, no norte da república.

Fontes policiais disseram que os guerrilheiros aniquilados em Makhachkala poderiam estar envolvidos no assassínio de Gapal Gadzhiev. O chefe do departamento de luta contra o extremismo no Cáucaso Norte foi assassinado no domingo de manhã.

A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.