Última hora
This content is not available in your region

Franceses raptados estão no Mali

Franceses raptados estão no Mali
Tamanho do texto Aa Aa

Os cinco franceses raptados no Níger estão no Mali sob alçada da Al-Qaida do Magrebe Islâmico.

Em 2009 o grupo executou um refém britânico e, em há menos de dois meses um gaulês, depois da operação militar para o resgatar ter falhado.

Os trabalhadores ao serviço de grupos franceses no Níger foram raptados na semana passada. No total desapareceram sete. O grupo reivindica o sequestro de, apenas, cinco. Todos de nacionalidade francesa.

O ministro dos Negócios Estrangeiros já reagiu:

“Não foi uma verdadeira surpresa saber que a Al-Qaida está por detrás deste rapto. Agora que temos a certeza vamos continuar a estar atentos juntamente com os nossos aliados, os países da África oriental e a Europa e vamos colocar todos os meios à disposição para os libertar” afirma Bernard Kouchner.

Durante o fim-de-semana, o Governo da Mauritânia efectuou manobras militares do norte do país. Os extremistas não gostaram e prometem retaliar.

Os franceses a trabalhar na região foram, entretanto, aconselhados a regressar a casa.