Última hora
This content is not available in your region

Berlusconi pede voto de confiança para "o bem dos cidadãos"

Berlusconi pede voto de confiança para "o bem dos cidadãos"
Tamanho do texto Aa Aa

O governo italiano enfrenta hoje um voto de confiança na câmara baixa do Parlamento. Durante cerca de uma hora, Silvio Berlusconi delineou as prioridades para a segunda metade do seu mandato.

Trata-se de um programa em cinco pontos, que vão da reforma da justiça à ajuda às regiões pobres do Sul, e para o qual o primeiro-ministro italiano pede o aval de todos: “Em particular, apelo a todos os moderados e a todos os reformadores. É um apelo que faço a todas as forças responsáveis da oposição, para que aprovem o nosso programa de reformas sem preconceitos, tendo como objectivo o bem de todos os cidadãos.”

Silvio Berlusconi surpreendeu ontem tudo e todos, ao anunciar o pedido de um voto de confiança ao governo.

Se perder, terá de demitir-se, mas os analistas estimam que Berlusconi nunca teria pedido um voto de confiança se não estivesse certo de ganhá-lo.

Tanto mais que, apesar dos confrontos, que levaram à expulsão de Gianfranco Fini do partido de Berlusconi, e à dissidência de 34 outros deputados, tudo indica que o novo partido do presidente do Parlamento votará a favor do programa do governo.

O voto está agendado para o final da tarde, 19 horas locais, 18 horas em Lisboa.