Última hora

Polícia na Europa discrimina minorias

Polícia na Europa discrimina minorias
Euronews logo
Tamanho do texto Aa Aa

Na Europa, as minorias, correm um risco maior de serem interpeladas pela polícia.

A conclusão vem descrita num relatório da agência europeia dos direitos fundamentais, publicado esta segunda-feira.

Os resultados mostram ainda que, na maioria dos estados membros da União Europeia, uma pessoa que pertença a uma minoria tem uma propensão maior a ser presa pelas autoridades.

Na Grécia, os membros da minoria cigana, afirmam que, nos últimos doze meses, a polícia lhes pediu a identificação seis vezes, contra duas da restante população.

No mesmo período, 56 por cento dos ciganos afirmam terem sido interpelados pela polícia, o que contrasta com os resultados em relação ao resto população, que representam 23 por cento.

De todos os Estados Membros o Reino Unido é o único que recolhe, sistematiza e analisa os dados sobre os pedidos de identificação feitos pela polícia.
O objectivo é controlar as práticas discriminatórias.

A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.