Última hora
This content is not available in your region

Salvamento dos mineiros provoca onda de patriotismo no Chile

Salvamento dos mineiros provoca onda de patriotismo no Chile
Tamanho do texto Aa Aa

Os chilenos festejam o início do salvamento dos 33 mineiros.

O país atravessa um pico de fervor nacional.

Em Copiacó, a população saiu à rua para celebrar o resgate dos compatriotas da mina de San José.

A localidade do deserto de Atacama saltou para as luzes da ribalta com o drama dos 33 mineiros soterrados numa galeria a setecentos metros de profundidade.

Em Santiago, os chilenos mostram-se unidos e solidários.

“Vi em directo, é um momento histórico para o Chile, partilhado por todos. Graças a Deus estão a sair um a um, para poderem estar com as famílias. É um milagre que estejam connosco hoje”.

O arcebispo de Santiago celebrou uma vigília na catedral metropolitana. o prelado convidou os fiéis a rezarem pelos mineiros enquanto decorrem as operações de socorro.

“Estamos todos profundamente comovidos, todos os que estiveram na mina e todos os que acompanharam o percurso dos trabalhadores e a força que têm, que é bem visível neste momento. É uma maravilha”, disse Francisco Javier Errazuriz.

O drama vivido pelos 33 mineiros provocou uma onda de patriotismo no Chile só comparável com a euforia dos grandes desafios desportivos, só que neste caso, foi a morte que os mineiros desafiaram numa prova que durou mais de dois meses.

A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.