Última hora
This content is not available in your region

Falta de combustível ameaça paralisar aeroportos franceses

Falta de combustível ameaça paralisar aeroportos franceses
Tamanho do texto Aa Aa

Os aeroportos franceses correm o risco de ficar sem combustível nos próximos dias.

O alerta é dado pelo ministério da Ecologia devido à escassez de reservas. Em causa está a jornada de luta que já paralisou várias refinarias.

Os sindicatos esperam voltar a mobilizar, hoje, milhares de pessoas contra os planos de Nicolas Sarkozy que pretende atrasar a idade da reforma e que, a partir de 2018, apenas será possível a partir dos 67 anos.

De acordo com a União das indústrias petrolíferas, a greve está a paralisar 10 das 12 refinarias francesas.

Centenas de estações de serviço foram, entretanto, obrigadas a encerrar as portas.

Os efeitos da paralisação são já visíveis. Em Marselha, o lixo amontoa-se nas ruas.

Uma situação poderá agravar-se na próxima semana com uma nova greve geral.

Uma sondagem, hoje, divulgada revela que 57% dos franceses defende um novo projecto para a reforma do sistema de pensões.