Última hora

Homossexuais protestam contra Papa com beijos de língua

Homossexuais protestam contra Papa com beijos de língua
Euronews logo
Tamanho do texto Aa Aa

Um beijo homossexual de protesto contra o Papa. A ameaça cumpriu-se e a manifestação de cerca de 200 “gays” foi adiante para demonstrar repúdio pelas posições do Sumo Pontífice sobre a homossexualidade ou o aborto.

Ao lado dos manifestantes, que se beijavam em frente ao Papa, fieis agitavam as bandeiras do Vaticano.

“O que é provocação é vir a Espanha e dizer que é um país demasiadamente secular. Se fosse dito por um outro chefe de Estado haveria problemas diplomáticos mas ele deixam este homem impune”, referiu um contestatário. Outro disse que “existem gastos públicos com a visita de um chefe de Estado que veio discriminar-nos e promover uma política de descriminação contra os homossexuais”.

A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.