Última hora
This content is not available in your region

História de Julian Assange vale 1,2 milhões de euros

História de Julian Assange vale 1,2 milhões de euros
Tamanho do texto Aa Aa

Um milhão e duzentos mil euros para contar a sua vida. Julian Assange, o fundador do “site” WikiLeaks, assinou um contrato com uma editora britânica e outra norte-americana para publicar a autobiografia.

Numa entrevista publicada este domingo no jornal britânico Sunday Times, Assange admite não querer escrever o livro, mas ser obrigado a fazê-lo para pagar aos advogados e evitar a bancarrota do “site”.

O australiano de 39 anos diz que já gastou cerca de 230 mil euros na justiça e que tem de manter o “site” a funcionar. De acordo com o Wall Street Journal, o WikiLeaks recebeu quase um milhão de doações este ano e Assange teve um salário anual de mais de 65 mil euros.

Assange é acusado de alegados crimes sexuais por duas mulheres suecas. Neste momento, encontra-se em liberdade condicional em Inglaterra, onde luta contra a extradição para a Suécia. Assange nega as acusações e diz que “a Suécia é a Arábia Saudita do feminismo”.

Os Estados Unidos ponderam processá-lo por espionagem, após a divulgação de milhares de documentos secretos norte-americanos no “site” WikiLeaks.